sexta-feira, 5 de agosto de 2016

UNIDADE CLASSISTA BH: NOTA DE SOLIDARIEDADE À COMUNIDADE MARIA BONITA


       
No último sábado dia 30/07 mais de 200 famílias tiveram que deixar suas moradias na ocupação “Maria Bonita” no bairro Bom Jesus, na divisa de Ribeirão das Neves com Contagem, devido uma ordem de despejo do terreno onde ocupavam. O terreno é privado e estava há décadas desocupado sem nenhuma função social.
A PM forçou a retirada, sem mandato judicial, ameaçando prender e usar a força policial para reprimir aos moradores indefesos e desarmados. Devido a alta quantidade de crianças e idosos na ocupação, os moradores decidiram abandonar suas casas de maneira pacífica. Além da Unidade Classista, integrantes das Brigadas populares e independentes estiveram presentes, dando apoio aos moradores e condenando a retirada forçada feita pela PM.
Também estiveram presentes no local os supostos proprietários do terreno com um suposto título de propriedade. No entanto, o documento apenas continha as coordenadas geográficas do terreno na matrícula do imóvel não sendo possível verificar se ele pertencia àqueles que o reivindicavam.
A Unidade Classista presta solidariedade aos moradores que foram expulsos de suas casas na “Maria Bonita”, as outras ocupações urbanas que resistem à pressão do Estado burguês. Além disso, repudiamos a ação da PM sob ordem do governador Pimentel do PT que aplica uma política de repressão e criminalização aos movimentos de luta por moradia e as ocupações urbanas favorecendo os grandes proprietários de terra que sem destinar uma função social para o terreno são responsáveis pela especulação imobiliária e pelo déficit habitacional na capital mineira, que é de 78 mil unidades, e no estado que chega a 557 mil unidades.

Pelo direito a moradia!
Contra os latifúndios urbanos!
Toda força as ocupações!

Coordenação Municipal da Unidade Classista BH- MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário